Escolas de Vela formam mais de 180 alunos

0
76

Os jovens prodígios das Escolas Municipais de Vela de Ilhabela avançam mais uma etapa em suas carreiras. A Prefeitura, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer, através do Departamento Náutico, realizou na última quinta-feira (6), na Escola Municipal de Vela “Lars Grael”, a formatura de mais de 180 alunos.

A cada semestre (ou ano), as turmas avançam um módulo. No início, o aluno faz o básico 1, depois o 2, o Pré Intermediário, Intermediário e, por fim, o módulo Flotilha, passando então a compor a equipe de competições. A cerimônia formou alunos de diversos módulos, vindos das duas escolas instaladas no arquipélago.

“Ficamos muito felizes com mais uma formatura. Lutávamos desde 2012 pelo Projeto Navegar, do velejador Lars Grael. Buscamos esse projeto em Brasília e eu fiz parte dessa luta. Então pra gente é uma grande alegria, que essa sementinha que buscávamos lá atrás já esteja nos dando bons frutos e nos fazendo formar a cada ano, cada vez mais, muitos velejadores e profissionais; muitos garotos que hoje velejam profissionalmente ou já trabalham aqui conosco, tiram o sustento de suas famílias. Nosso objetivo não é fazer campeões, mas sim cidadãos através do esporte, oferecendo oportunidade”, declarou o secretário de Esporte e Lazer, José Roberto de Jesus.

Na formatura, o secretário agradeceu no momento de sua fala o prefeito Marcio Tenório e sua vice, Maria das Graças Ferreira, a Gracinha, que esteve prestigiando a cerimônia. “Agradeço a confiança que os pais depositam em nós. Para ser velejador tem que nascer com essa vontade, porque não e fácil, você pega um barquinho vai para o mar, depende do vento, da maré, do tempo, e com isso nós passamos nossa experiência para crianças de todas as idades, que aprendem com a vela, com o stand up. Enfim, a lidar com a adversidade na vida”, disse o secretário.

Referência em todo o Brasil, as duas Escolas de Vela instaladas no arquipélago atendem centenas de crianças e oferecem aos munícipes a oportunidade de terem aulas de vela gratuitas nas classes Optimist, Dingue e Snipe; para 2019, as unidades contarão também com a 420, uma classe internacional de embarcação, sem contar que a escola do Sul, oferece ainda aulas de canoagem e stand up.

 

Serviço:

As Escolas de Vela hoje, atendem centenas de crianças. Os interessados em fazer as aulas, devem ficar de olho na data de abertura das matrículas – o que deve acontecer a partir de fevereiro de 2019 –, as quais serão divulgadas em breve. Os documentos necessários são uma foto 3×4, comprovante de residência, declaração escolar, cópia do RG do aluno e do responsável, e atestado médico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui