Praia do Bonete vivendo a nobre cultura caiçara em 600 mts de praia, onde vive a fé de Santa Verônica

0
417

Considerada pelo jornal britânico The Guardian uma das dez praias mais bonitas do Brasil, a Praia do Bonete abriga a maior comunidade caiçara de Ilhabela.

Sabe o que os portugueses viram quando chegaram ao Brasil, mais de 500 anos atrás? É só contemplar o mirante do Bonete para ter uma ideia. Mar azul, areia dourada e a imensidão verde da mata virgem. Esse paraíso no sul de Ilhabela é um desses poucos lugares que ainda é isolado, longe da tecnologia e bonito por natureza. Difícil de acreditar que um reduto quase deserto fique tão perto de São Paulo, a umas 4h da capital. A herança dos caiçaras é ainda mais antiga.

Bonete é a praia mais larga da ilha, com mais de 600 metros de extensão. Sua orla é ladeada de árvores chapéu-de-sol, não havendo construções em toda sua orla, apenas um ranchinho de pau-a-pique. Onde vive uma comunidade caiçara de cerca de 100 famílias, que sobrevivem basicamente da pesca e do artesanato.
Em épocas festivas, finais de semana e temporadas de verão é possível, ter acesso também através de embarcações tipo canoa de um pau só e lanchas voadeiras, como forma de sustento para os moradores caiçaras as viagens nestas embarcações. A religião católica ainda se mantém viva

Localização
Está na face Sul da Ilha, entre a Ponta da Sepituba e Praia das Enchovas. O acesso por mar, vai contornando a Ponta de Sepituba, no extremo sul da Ilha, e leva aproximadamente 40 minutos a partir da Praia do Perequê. Por terra, a caminhada pela trilha de 12 km leva em média 4 horas até a praia.

Para aproveitar o melhor do Bonete, vale a pena passar alguns dias no local. Para isso, existem campings e pousadas no local, além de casas caiçaras para aluguel.

PEIXARIA DO JEOVÁ

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui